19 3312.0145 | 19 3834.1566

  • Home
  • Blog
  • Como vender para o seu público-alvo

Como vender para o seu público-alvo

13 de Novembro de 2015
Com a pesquisa de mercado feita e o público-alvo identificado, é hora de se conectar a eles. Mas com tantas empresas buscando o mesmo público, nem sempre será uma tarefa fácil entregar sua mensagem às pessoas certas. As dicas abaixo podem te ajudar nessa missão:

1) Redes sociais: Utilize as redes sociais que seu público está presente para transmitir sua mensagem. Não perca tempo em redes no qual seu público não se encontra. Publicar no Facebook quando seu público está todo no Linkedin é perda de tempo e recursos. 
Pesquisas da Business Insider e do Linkedin identificaram o perfil do público das principais redes sociais:
– Facebook: 1,32 bilhões de usuários, de ambos os sexos, entre as idades de 18 a 54 anos, e interessados em bens de consumo mais do que em itens de luxo.
– Twitter: 271 milhões de usuários, principalmente do sexo masculino, entre as idades de 18 a 29 anos, e estão interessados em obter as suas notícias por meio desta rede.
– LinkedIn: 300 milhões de usuários, de ambos os sexos, entre as idades de 30 a 64 anos, e são profissionais altamente educados com bons rendimentos.
– Pinterest: 70 milhões de usuários, principalmente do sexo feminino, entre as idades de 18 a 49 anos, e interessados em conteúdo relacionado a alimentação, família, pais, etc. Plataforma eficaz para produtos e serviços com apelo visual.
– Instagram: 200 milhões de usuários, principalmente do sexo feminino, entre as idades de 18 a 29 anos, e interessados em roupas, acessórios e temas relacionados com entretenimento. Como o Pinterest, muito bom para o marketing visual.

2) Anúncios: Caso haja possibilidade em seu orçamento, anúncios online devem fazer parte da sua estratégia de marketing, mas na plataforma que seu público está presente. 
De acordo com Rocco Baldassarre, CEO da Zebra Advertisement:
- Google ou Bing: são ideais para prestadoras de serviços ou empresas grandes/tradicionais, porque seu público-alvo já está procurando por elas e tendem a converter facilmente. O uso de palavras-chave super segmentadas funciona muito bem com links patrocinados.
- Google Display: são os melhores para um mercado que não sabe muito a seu respeito. Quando eles visitam sites semelhantes, os seus anúncios segmentados aparecerão para eles e, mesmo se não clicarem em seu anúncio, ele ainda provoca notoriedade da marca.
- Facebook e Twitter: são sensacionais para vender produtos de estilo de vida, pois funcionam por meio da segmentação de clientes com base em seus padrões de comportamento e interesses. Assim como os anúncios do Google Display, mesmo se o seu público-alvo não clicar no link, eles ainda estão sendo expostos para o seu negócio.
- LinkedIn: é perfeito para serviços ou produtos do tipo B2B (business-to-business), pois é capaz de segmentar profissões específicas.

3) Recomendações: Pesquisa da Nielsen aponta que 92% das pessoas dizem confiar nas recomendações que recebem de amigos e familiares, mais do que qualquer outra forma de publicidade. Tenha espaço na sua loja para que as pessoas que adquiriram o produto possam deixar suas considerações sobre o mesmo e para que possam deixar depoimentos sobre a loja. 

4) Co-marketing: Pesquise sobre empresas que compartilhar seu público sem ultrapassar seus limites de negócio, ou seja, que vendem produtos complementares aos seus. Estabeleça parcerias para trocar postagens em redes sociais, criar concursos culturais, oferecer cupons de desconto, etc. 
categorias